CONTEÚDO



FEVEREIRO
Tenha coragem para sair de cena


Recentemente, ouvi uma meditação sobre humildade, algo que meu Senhor tem trabalhado em meu coração. João Batista, o maior dos profetas segundo o Senhor Jesus, o maior entre os nascidos de mulher, com toda habilidade e poder que possuía, apontou para Jesus e saiu de cena. Seu grande momento foi quando batizou o Filho de Deus. Mais tarde, seus discípulos foram dizer-lhe que Jesus agora também batizava no Jordão, meio que levantando “concorrência” com João Batista. O profeta simplesmente respondeu: “Ele tem de ficar cada vez mais importante, e eu, menos importante”. Já vi pregador dizer que essa frase pertence ao Velho Testamento (antes de Jesus) e não é válida para nós. Vale sim! Essa frase machuca quem tem o ego inflado. João cumpriu seu propósito como “a voz que clama do deserto”: preparou o caminho para o ministério do Filho de Deus e simplesmente saiu de cena. Você sente necessidade de atrair as luzes para si? Sente uma coceirinha por competir quando outros ganham destaque ou fazem uma conquista impressionante? Há gente que não gosta de ficar por baixo nem quando o assunto é desgraça. Ao ouvir o lamento dos outros, logo diz: “Ih! Isso não é nada! Comigo foi pior...”. Essa gana de competir pelo palco revela orgulho. É preciso confessá-la como pecado e arrepender-se. Uma coroa específica de glória foi dada a cada ser humano. Cada um é especial à sua maneira. Lançarei a minha coroa aos pés de Jesus, juntamente com os anciãos do livro de Apocalipse. Enquanto isso, cederei espaço para os meus irmãos subirem ao palco também.

Autor:   Josias Brepohl
TODOS OS DIREITOS RESERVADOS LUZ E VIDA